quarta-feira, 21 de julho de 2010

Aberta: temporada do flerte!

video

Olha que nome mais antigo: flerte! Pergunto, será que fiz um blogcídio no momento? Mas de qualquer forma, serei corajosa e sigo adiante com minha ideia, até porque há dois dias atrás eu escrevi sobre o dia do amigo e... porque tem tanta gente tentando ser emocional ou se emocionar via redes sociais?

Porque, vamos ser frios e objetivos: feliz dia do amigo ou aquele e-mail que você recebe todos os anos, incansavelmente, não te tocou em nada! Acredito que essa onda de distribuir carinhos e afetos e, diga-se de passagem, “criar” dias para essas manifestações é porque há um esvaziamento de sentimentos e, esfriamento. Acredito que todos estão sentindo! E isso é muito ruim, porque não se consegue viver onde vivemos e como vivemos se não podemos enamorar (mais uma palavra arcaica), cuidar, gostar.

Por isso, estou aqui anunciando a todos os ventos que está aberta , oficialmente, a temporada do flerte e, essa é uma temporada muito especial e muito diferente porque para início de conversa flertar você poderá fazer não só com alguém desconhecido ou alguém que você sempre quis mas nunca teve coragem. Então, comece o seu flerte com seu próprio marido ou namorado!

E flertar, no sentido que estou estabelecendo aqui é: deixar para trás as coisas velhas e preocupar-se somente com situações novas. Eu tenho percebido que esqueceram a arte, esqueceram como é, acho que atualmente, nossos rapazes foram tão massificados pela mídia que, de repente, estão acreditando que flerte está diretamente ligado: faço sucesso, viro O Gostosão, tenho uma lista de cachorras/tchucas ou como a sociedade moderna coisifica o termo mulher e todas me idolatram e eu pego algumas trato como lixo e depois elas correm atrás.

Bem, parabéns para você que consegu
iu desse jeito, mas sinto dizer: a foda foi boa, né? Mas a mulher de verdade você não encontrou, nem poderia, essa turbinada que você pegou está morta a tanto tempo que nem percebeu! Faz falta um mulher de verdade, né? Uma que ria com você, não de você! Uma que te beijou mesmo sabendo que você era um sapo e olhe, agora você se transformou num Shrek, não é tão lindo a evolução?!

Então, já que você subiu de patamar no coração dessa mulher especial, que você reconhece que é, mas que você por ser um covarde para assumir essa verdade, acabou perdendo-a! Não está na hora de você tentar reconquistá-la? Não com técnicas arcaicas de desafio de poder, tipo: corda de força, quem aguenta mais tempo? Tsc.tsc. todos perdem!

Por isso, em nome do flerte, aí vão as dicas: primeiro, que tal trocar a fala agressiva pela carinhosa? Lembra quando isso dava certo? E não seja toupeira em achar que ela na primeira fala doce se derreteu, ela está dando corda para você se enforcar, ela vai continuar esperando até que veja se a mudança foi verdadeira ou é mais uma estratégia de xadrez de alguém que não sabe nem como anda com o peão desse jogo.

Note que a mulher de verdade gosta de ser amada, cortejada, o suposto desinteresse que você vê nela é fruto da maneira como você passou a tratá-la, primeiro: achou que a parada já estava ganha e, consequentemente, para que o esforço? Slept - tapa na cara para acordar! Ela é uma mulher e você conhece o ditado: quem não dá assistência... Então um olho fechado e outro aberto e cuidados redobrados! E não se esqueça de se comportar como macho e fazê-la dela uma dama, porque essa história de troca de papéis é um saco e não há mulher que aguente homem chorão quando ela quer é mais ombro para chorar!

Depois das palavras doces que tal colocar uma música, aquela que você sabe irá tocá-la e dizer: “Estava ouvindo essa música e não consegui parar de pensar em NÓS”. Deixa dada, observe a ênfase sobre nós, ao assumí-la como sua e misturar isso a uma canção bonita você não vai só conseguir pontos, mas fará ruir um muro de defesa levantado em tempos inglórios. Agora é quase como se faltasse só invandir, mas pega leve! Invasão só é permitida por motivos políticos, o MST que o diga, com a mulher amada vai ter que continuar se desdobrando no flerte!

Não flerte a distância, nem pensar, vá até ela, onde ela esteja e, principalmente, onde você esteja seguro em ir. Pois não adiantaria nada você ir ao terreno do inimigo para ser escurraçado, você também precisa de segurança, para chegar ao coração da mulher que ama, você precisa estar seguro para fazê-lo.

Talvez o grande mistério seja esse: seja o que ela precisa que você seja, não o que você acha que faria todos caírem aos seus pés, não é essa mulher que você ama? Então, será que a grande razão de sua vida não é fazê-la se sentir segura ao seu lado, mesmo que como Shrek, não como príncipe, mas você é o que estará ali, você será o resgatador, ainda que ela nem precise disso, mas ela precisa de ombro, com certeza, precisa!

Flertar com uma mulher é mostrar que tem tempo para ela, pois uma das coisas que mulher mais odeia e ver que você tem tempo para tudo, menos para ela. Ela se sente relegada, tipo, perde o seu valor quando nota que tudo em sua volta tem mais valor, é mais importante ou mais premente! Perca tempo com ela, leva-a para um cinema, uma volta de carro, deixe ela falar, nunca dê conselhos, só ombro e cuidado, mulheres ODEIAM conselhos, principalmente de homens, elas gostam só de serem ouvidas e abraçadas.

Esses são pequenos passos, pequenas decisões, pequenos flertes, mas não é um caminho fácil, não! Nenhum caminho é fácil, nenhuma decisão não leva enxurradas de situações por resolver, todos os caminhos cobram, a questão é o preço que você quer pagar, solidão? Ou amor? As cartas estão lançadas!
Margareth Sales

6 comentários:

  1. A arte de fletar, por muitos esquecida e por outros cafonice se desdobrou p/ dias de hoje como ADM (ataque direto mulher), pois as mesmas em sua maioria mais jovens ñ perdem tempo com flerte ja querem que nós homens parta p/ um confronto direto e com isso perdeu-se muito o encanto da conquista etc... hoje a vida corrida e as redes sociais afastaram as pessoas do flerte, precisa do olho a olho, cara a cara, um sorriso é sinal que tá dando certo e ai vai... coisa que ñ se consegue com a net. já na balada se vc for fletar, fica na pista, literalmente, por isso fica mais dificil o flerte e com isso ele num futuro proximo será coisa do passado sem uso e sem efeito, infelizmente.
    Eberty Pinheiro

    ResponderExcluir
  2. Meu marido precisa ler este post. A palavra é antiga, mas deveria ser um hábito e nunca sair de moda. A mulher precisa ser flertada. Temos essa necessidade...
    Adorei! Beijos

    ResponderExcluir
  3. Em primeiro lugar devo dizer que apesar de antiga flertar hoje em dia esta fora de contexto. Mais mesmo assim devo dizer nos dias de hoje se faz bem necessário este meio de paquera entre duas pessoas que estão a fim de ficar. Hoje em dia com toda esta facilidade MSN, SMS, Celular, orkut, e por aí vai flertando.com ele sai do real para o virtual. Bom mesmo é o flerte pessoal, você e o outro cara a cara, olhos nos olhos.Mais mesmo assim viva a temporada. Estamos no inverno é sempre muito bom começar um relacionamento agora só assim ele vai se esquentando junto com as estações do ano. Amei! Beijocas

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito do novo visual do blog. Tá bonito, tá bacana , tá legal. Show

    ResponderExcluir
  5. Se conselho fosse bom ñ seria dado e sim vendido!
    Ao dizer: "mulheres ODEIAM conselhos, principalmente de homens" Concordo plenamente! HOMENS, POR FAVOR faça o seu único e legítimo papel: abraçar, cuidar e proteger, pois dar conselhos vcs realmente não servem!
    Em relação a escrita: Ao ler a palavra slept, a minha amiga que estava ao meu lado percebeu que movimentei a cabeça para trás, foi aí que percebi que aquela palavra mexeu comigo, como se fosse um tapa na cara. Com isso podemos perceber que ao ler um bom texto acabamos nos envolvendo nele e isso Margareth Sales, vc consegue deixar: as suas crônicas, cada vez mais envolventes (FODAS)!

    (Fernanda Pinheiro)

    ResponderExcluir